Home / Bastidores da Política / Dilma vai a Curitiba e tenta visitar Lula na prisão

Dilma vai a Curitiba e tenta visitar Lula na prisão

A ex-presidenta Dilma Rousseff pretende visitar nesta 2ª feira (23.abr.2018) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde encontra-se preso desde o dia 7. Dilma cita sua proximidade com o petista e pede urgência na análise do pedido.

Desde a prisão de Lula foi determinado que as visitas ao ex-presidente não seriam realizadas nas quartas-feiras, dia em que os demais custodiados recebem visitas. A orientação tem como objetivo  otimizar e garantir a segurança e incolumidade dos visitantes do petista.

Até o momento, os únicos políticos que conseguiram visitar o petista foram os da comitiva de senadores que articulou inspeção na PF. Os senadores da Comissão de Direitos Humanos foram verificar, na última 3ª (17.abr), as condições em que o ex-presidente está na prisão. A visita foi acompanhada por uma equipe do órgão.

Os pedidos de visitas a Lula têm sido constantes, mas nem todos têm sido aceitos pela juíza federal Carolina Lebbos. Na última 3ª (17.abr), por exemplo, ela negou o pedido de governadores e líderes petistas para visitar o ex-presidente.

A juíza é responsável pela execução penal do caso de Lula, ela quem irá decidir se permite ou não a visita de Dilma.

O MPF (Ministério Público Federal) lembrou em seu parecer desta 2ª o que já tinha explicitado na semana passada ao analisar pedido da comitiva. Afirma que as visitas serão por ordem de chegada e até o limite máximo de horário determinado pela Polícia Federal.

“Em outras palavras, se não for possível a visita em um dia, esta poderá ser realizada na semana subsequente, a depender também da ordem de chegada. Não é viável a fixação ou a elasticidade de horário diferenciado para visitas ao custodiado Luís Inácio Lula da Silva, seja por conveniência da administração, seja para se criar injusto discrímen em relação aos demais custodiados ali recolhidos.“, diz o MPF no parecer da semana passada.

 

 

 

 

 

Fonte: Poder 360

About Redação Correio Terraboense

Check Also

Foro restrito tira 95% das ações do STF, diz estudo

A redução do foro privilegiado nos termos defendidos pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *