Home / Copa do Mundo / Copa do Mundo deve movimentar R$ 1,51 bilhão no varejo brasileiro

Copa do Mundo deve movimentar R$ 1,51 bilhão no varejo brasileiro

Em 2014, setor faturou R$ 1,39 bilhões

Levantamento foi elaborado pela CNC

A Copa do Mundo da Rússia deve gerar R$1,51 bilhão no faturamento do comércio varejista brasileiro. É o que afirma levantamento da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), divulgado nesta 5ª feira (19.abr.2018). O evento será realizado de 14 de junho a 15 de julho.

A entidade estima 1 aumento de 7,9% em relação às vendas registradas na última edição do mundial, em 2014, no Brasil, quando o varejo nacional contabilizou 1 faturamento extra de R$1,39 bilhão.

Segundo a CNC, o fluxo de consumidores nas lojas é afetado durante os jogos, por causa dos recessos. No entanto, as vendas de aparelhos eletroeletrônicos, principalmente televisores, e artigos de vestuário esportivo costumam reagir favoravelmente nos meses que antecedem o mundial.

Doze Estados concentrarão 86% da receita gerada pelas vendas no varejo. São Paulo (34,7%), Rio de Janeiro (8,5%) e Minas Gerais (8,3%) estão no topo da lista.

De acordo com a balança comercial, a importação de televisores cresceu 59% nos último 6 meses, totalizando 5,5 milhões de mercadorias. Segundo o estudo, “a relativa estabilidade da taxa de câmbio nos últimos meses” ajudou a impulsionar a importação destes produtos.

Nos 2 primeiros meses do ano, a indústria nacional também aumentou em 31,5% a fabricação de produtos eletrônicos, de informática e óticos em comparação ao mesmo período de 2016.

Ainda, segundo a CNC, os preços dos televisores apresentaram alta de 1,1% nos 4 últimos anos, variação significativamente inferior à dos serviços de manutenção desses aparelhos (+14,8%) e à do próprio IPCA (+25,4%) no período de 2014 a 2018.

 

 

 

fonte: CNC

About Redação Correio Terraboense

Check Also

Rússia responderá na Fifa por racismo a menos de dois meses da Copa

Caso aconteceu durante amistoso com a França, em São Petersburgo. A Rússia enfrentará um processo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *