Home / Paraná / Após primeira morte por dengue, Sesa confirma primeiro município em epidemia

Após primeira morte por dengue, Sesa confirma primeiro município em epidemia

Mesmo com apenas uma confirmação de dengue na 13ª Regional de Saúde (RS) e sem mortes causadas pela doença há três anos, os 11 municípios da região continuam em alerta. Isto porque a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) registrou 50 novos casos em apenas uma semana em todo o Paraná e confirmou a primeira morte por dengue em dois anos e o primeiro município em situação de epidemia no novo boletim técnico divulgado nesta semana.

O óbito confirmado ocorreu em Foz do Iguaçu. A vítima foi uma mulher de 83 anos que tinha cardiopatia, diabete e hipertensão arterial. O município tem 68 casos confirmados de dengue.

A cidade em situação epidêmica é São João do Ivaí, a 100 km de Cianorte, com 59 casos de dengue confirmados e incidência de 409 a cada 100 mil habitantes. Os dados são relativos ao período epidemiológico de agosto de 2017 até agora.

REGIÃO

A 13ª RS continua com um caso confirmado de dengue, em Tuneiras do Oeste, e registra 200 notificações de suspeitas da doença, 19 a mais do que o divulgado na semana passada. Em todo o estado, o número de suspeitas já passa de 17 mil. Por enquanto, a situação está controlada nas cidades da região, mas os cuidados para combater o mosquito não podem parar.

O resultado do último Levantamento de Índice Rápido Aedes Aegypti (LIRAa) realizado em Cianorte apontou risco médio de infestação na cidade, com 1,4%. De acordo com a supervisora do Programa de Combate à Dengue da Prefeitura, Vera Lucia Fusisawa, o número de focos diminuiu porque as chuvas cessaram.

“Quando chove os focos aumentam novamente, porque as pessoas esquecem de manter os cuidados e evitar água parada, que serve de criadouro para o mosquito. O vírus ainda não está circulando na cidade, mas temos que estar em alerta pois o mosquito Aedes aegypti está presente em todas as regiões do estado”, afirmou.

OUTRAS DOENÇAS

A região também continua sem casos confirmados de febre chikungunya e zika vírus. Apenas 12 notificações de chikungunya foram registradas em quatro cidades. No Paraná, 39 casos da doença foram confirmados desde agosto de 2017. Não há confirmações de zika vírus em nenhuma região neste período.

 

 

 

Fonte: Tribuna com Agência Estadual

About Redação Correio Terraboense

Check Also

Mulher chega em casa e encontra invasora nua em sua banheira comendo Cheetos

Uma mulher ficou chocada ao chegar em casa e encontrar uma mulher nua em sua …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *