Home / Copa do Mundo / Copa do Mundo deve reforçar calendário de ‘feriados’ em Curitiba

Copa do Mundo deve reforçar calendário de ‘feriados’ em Curitiba

Se chegar até a final, jogos da Seleção brasileira podem dar mais cinco dias de ‘folga’ aos curitibanos neste ano.

Os curitibanos irão somar até o final de 2018 pelo menos 36 dias de folga extra em decorrência dos feriados prolongados. Pelo menos, porque o número de datas ainda pode aumentar. É que este ano tem Copa do Mundo, e os dias de jogos da Seleção Brasileira costumam  impactar sobre o funcionalismo público, o comércio e até mesmo a indústria.
De largada,serão pelo menos dois dias de folga ou com horário reduzido de trabalho para muitos. Na primeira fase, o Brasil estreia contra a Suíça num domingo (17 de junho), às 15 horas. Por isso, a rotina da maioria das pessoas não deverá ser alterada.
Contudo, os dois jogos seguintes, contra Costa Rica e Sérvia, caem em dias úteis, mais precisamente uma sexta-feira (22 de junho) e uma quarta-feira (27 de junho), às 9 e às 15 horas, respectivamente.
Caso a Seleção Canarinho avance para o mata-mata, mais jogos em dias de semana à vista, dependendo da posição em que o time terminar (1º ou 2º lugar). Nas oitavas de final, a partida acontecerá no dia 2 ou 3 de julho, quarta e quinta-feira. Nas quartas, as partidas serão disputadas nos dias 6 e 7 de julho, sexta-feira e sábado. As semifinais acontecerão em 10 e 11 de julho, terça e quarta-feira, enquanto a disputa de terceiro lugar e a final acontecem em 14 e 15 de julho, num sábado e domingo, respectivamente.
Definições a partir de maio
Tanto no setor público como no privado (comércio e indústria, principalmente) as discussões acerca da escala de trabalho, ponto facultativo ou feriado em dias de jogo do Brasil estão em estágio embrionário.
A única exceção é a Secretaria Estadual de Educação (Seed), que informou ao Bem Paraná ter fechado o calendário 2018 sem previsão de atividade especial nos dias de jogo. Ou seja, alunos de escolas estaduais não irão paralisar as atividades durante a Copa do Mundo, mesmo em dias de jogos do Brasil. Já no caso das escolas municipais, o assunto ainda será debatido – em princípio, porém, também existe planejamento letivo para as datas.
Já o Sindilojas Curitiba e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Curitiba (Sindicom) informaram que deverão tratar do assunto a partir do próximo mês, quando também serão iniciadas as negociações coletivas.
“Em outras Copas, quando teve jogo do Brasil, parte das empresas fecharam nos horários do jogo, permitindo aos funcionários verem a partida. Mas isso é no computo geral, não só do comércio, e também só nos horários de jogos. Depois costuma voltar tudo ao normal”, aponta Antônio Carlos, assessor de imprensa do Sindicom.

 

 

 

Fonte: Bem Paraná

Foto: Franklin de Freitas

About Redação Correio Terraboense

Check Also

Miranda se vê em boa fase na Inter de Milão antes da Copa do Mundo

Um dos principais pilares da Seleção Brasileira sob o comando de Tite, o zagueiro Miranda é presença …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *